Dia tenso na comunidade da Primavera.




  Nesta quinta-feira, dia 10 de setembro de 2020, a Polícia Militar do Estado do Rio de janeiro(PMERJ) com apoio do Batalhão de Operações Policiais Especiais(BOPE), estiveram na comunidade da Primavera, localizada na Zona Norte do Rio, após uma denúncia de tráfico de entorpecentes na região.

  Segundo moradores da região, desde o raiar do dia já era possível escutar os sons de disparos de arma de fogo na comunidade, momento em que se iniciava a operação. Ainda não há previsão para a saída das forças militares que agora ocupam boa parte do morro, até o momento da reportagem temos a informação somente da apreensão de um dos Gerentes da comunidade, que não teve sua identidade revelada, com ele foi apreendido um fuzil calibre .762, uma pistola 9mm e uma grande quantidade de drogas. 

  Em uma foto vazada em grupos de comunicação por redes sociais da favela, é possível ver que os traficantes monitoram a ação da polícia pelo alto do morro, gerando assim os confrontos em quanto as tropas avançam. O poder do crime organizado impressionam até aqueles que possuem alto cargos na Segurança Pública do estado, a comunidade que é dominada pela facção LLL, tem mostrado que a cada dia que passa os marginais estão ficando cada vez mais preparados para os conflitos, seja com militares ou com facções rivais.

Dia tenso na comunidade da Primavera.  Dia tenso na comunidade da Primavera. Reviewed by PedrotCF on setembro 11, 2020 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.